Reduzindo os Custos do Hardfacing: Variantes Avançadas de MIG/MAG com Arames Tubulares

   Limitações na qualidade do revestimento variam entre os diferentes processos de soldagem utilizados para Hardfacing. Processos como TIG-Hot Wire, PTA e LASER geram resultados de altíssima qualidade, entretanto apresentam custos operacionais altos, devido principalmente a baixa velocidade de deposição, alto custo dos equipamentos e maior complexidade operacional.


   Uma alternativa para baixar os custos no Hardfacing é a adequação de processos mais simples e menos custosos como o MIG/MAG. Com a correta parametrização e adaptações em seu procedimento, é possível obter depósitos de ótima qualidade, relativamente próximas as de PTA e LASER.



   Pode-se mensurar qualitativamente o metalúrgico de depósitos em três aspectos principais:


  • Controle de diluição e espessura de depósito;

  • Conservação da microestrutura do material depositado;

  • Quantidade de defeitos e descontinuidades (porosidade, falta de fusão, respingos).


   A qualidade alcançada pelos processos avançados anteriormente citados se dá principalmente devido seu maior controle de aporte de energia e transferência metálica. O que, de certa forma, impossibilita o aumento na taxa de deposição. Observa-se então uma espécie de gangorra de ganhos e perdas: quanto maior a qualidade alcançada mais difícil aumentar a taxa de deposição resultante. Analogamente, quando tentamos aumentar a taxa de deposição se perde em qualidade.



Como vencer esse limite e melhorar a eficiência global?


   Uma solução são as variantes avançadas do processo MIG/MAG, como por exemplo a imposição de corrente elétrica na forma alternada ou a adição simultânea e dois ou mais arames simultaneamente. Essas variantes conseguem manter as altas taxas de deposição junto a um melhor controle de aporte de energia, permitindo uma qualidade de deposição muito superior.


   Por exemplo, a utilização de arames tubulares com núcleo de pós microligados feitos por encomenda especialmente para sua aplicação, embora de maior custo, podem reduzir drasticamente o retrabalho devido a defeitos, diminuir a perda de deposição por formação de escória e respingo.



   Embora a qualidade de revestimento obtida com processo PTA e LASER ainda seja muito superior, os resultados advindos dos processos MIG/MAG avançados distinguem-se enormemente em relação ao processo tradicional. Essa variação gera um novo nicho de aplicação, pois seu fator custo benefício encontra-se numa lacuna ainda não bem explorada pelas indústrias.



A tecnologia está a nosso favor e quem não atualizar seus processos corre o risco de ficar para trás!


Conheça mais sobre o processo de revestimento de Hardfacing através do artigo Hardfacing: Superando o Desgaste




Agradecemos ao Msc. Eng. Pedro Jaeger pela valiosa contribuição técnica na co-autoria do artigo.


Referência: P. C. R., Jaeger, A new solution for wear and corrosion protection: alternating current MIG welding process with nickel, cobalt and iron basis flux-cored Hardfacing wires.

A fusion between academic and industrial world of welding technology

© All the rights reserved

  • LinkedIn
  • Research Gate
  • ORCID